CÂMARA DE VEREADORES DA ESTÂNCIA TURÍSTICA DE AVARÉ

Avenida Gilberto Filgueiras, 1631 - Alto da Colina - Avaré-SP - CEP: 18706-240

Fone: 0800-77-10-999 / (14) 3711-3070 / (14) 99726-5444 / (14) 99786-2458

Horário de funcionamento: segunda a sexta-feira, das 8hs às 17h30. Sessões Ordinárias: Toda segunda-feira às 19hs

conteudo
Empresa denunciada por Ziroldo tem título de R$ 110 protestado
 

O alto valor pago pela Prefeitura de Avaré a empresa Rodrigo da Cruz Garcia Eireli – EPP chamou a atenção do presidente da Câmara, Denilson Ziroldo (PSC).

A empresa foi contratada por mais de R$ 240 mil para a locação e monitoramento com manutenção de sistema de controle de pombos por pulsos eletromagnéticos. A informação está disponível no portal da transparência da Prefeitura.

O presidente da Câmara de Avaré, Denílson Ziroldo, criticou, na noite do dia sete, o contrato feito pela Prefeitura de Avaré com a empresa, contratada para espantar pombos das escolas municipais.

“A Prefeitura está contratando uma empresa que irá alugar o equipamento para espantar pombos, isto mesmo, alugar”, disse o vereador, espantado com o alto valor do contrato.

Segundo Ziroldo, a Prefeitura desembolsará cerca de R$ 20 mil por mês, para que a empresa forneça o equipamento que será usado em escolas municipais. “Até eu vou por este valor, pego uma vassoura e fico espantando as aves”, ironizou o vereador.

O presidente afirmou que, gastar um valor tão alto com este equipamento, é falta de respeito com dinheiro público. Denilson Ziroldo lembrou que faltam coisas básicas na cidade (como remédios nos postos de saúde), enquanto a Prefeitura opta por gastar este valor com a empresa.

“Enquanto a Prefeitura vai pagar isto para espantar pombos, falta cardiologista para atender a população; o acordo feito com os professores, no ano passado, não foi honrado até hoje; faltam remédios nos postos porque não tem sequer farmacêutico; isso sem falar no valor da cesta básica dos funcionários, que é muito baixo, cerca de R$ 152 por mês. Para tudo isso, alegam falta de dinheiro, mas se gasta mais de R$ 240 mil no aluguel de um aparelho”, afirmou o vereador.

“É importante ressaltar que este valor é para o aluguel dos aparelhos, não para compra. Há maneiras bem mais baratas de se evitar pombos, como a colocação de redes. Não há necessidade de se gastar tanto com isso, com o município enfrentando a crise que está”, disse Ziroldo.

Título protestado

Se não bastasse o alto valor do contrato, a empresa Rodrigo da Cruz Garcia Eirelli – EPP enfrenta outros problemas, conforme matéria publicada no site www.guarulhosweb.com.br.

Em Guarulhos, a empresa foi contratada por R$ 9,5 milhões para espantar pombos de 160 escolas municipais.

O problema, segundo matéria do site, é que a empresa sequer consegue pagar um protesto de R$ 110. Em junho de 2015, portanto há menos de um ano, o advogado guarulhense Alexandre Bernardes anunciou que acionaria o Ministério Público, por causa de um documento que mostra a difícil situação que a empresa Rodrigo da Cruz Garcia Eirelli-EPP enfrentava.

Em 28 de maio de 2015, dois meses após assinar contrato com a Prefeitura de Guarulhos, a Rodrigo da Cruz Garcia Eirelli-EPP sofreu um protesto no valor de R$ 110, pelo 2º Tabelião de Notas e Protestos de Botucatu. “Como uma empresa que não consegue pagar com um valor tão baixo tem condições de arcar com um contrato de quase R$ 10 milhões?”, questionou o advogado.

O advogado também apresentou uma outra ação que envolve a empresa. Ela foi acionada por Leonardo de Andrade Molina, de Botucatu, após cancelar um contrato para espantar pombos pelo valor de R$ 40 mensais de aluguel.

De acordo com site, mesmo após o cancelamento do contrato, a empresa continuou a emitir cobranças mensais.

O presidente da Câmara de Avaré ainda ressalta outra grande diferença. Pesquisa feita por ele aponta que um repelente eletrônico espanta pombos com um emissor para até 100 m2 custa, em média, R$ 160. “Isso é valor de compra e de uma unidade, imagina se você alugar, teoricamente deveria ser mais barato”, diz.

Segundo o portal da transparência da Prefeitura de Avaré, dos R$ 240.585 empenhados pela empresa, R$ 66.875 já foram pagos.

 

Fonte: Assessoria de Imprensa do Legislativo

Data: 10/03/2016

Voltar para inicial   Mais notícias...

Ultimas notícias
O Legislativo agora tem seu próprio semanário Publicado em 04/07/2022

Audiência Pública - FREA Publicado em 23/06/2022

Audiência Pública - AVAREPREV Publicado em 23/06/2022

Acesse mais noticias

Agenda
27/07/2022 - Audiência Pública - AVAREPREV, referente ao 1º quadrimestre de 2022.
27/07/2022 - Audiência Pública - FREA, referente ao 1º quadrimestre de 2022.
09/06/2022 - Audiência Pública da Gestão Fiscal - Câmara e Prefeitura - referente ao 1º quadrimestre de 2022.
09/06/2022 - Audiência Pública - LDO

Mais eventos


Links
Assuntos
Midias
Mapa do Site

Acesso à Informação (e-SIC)
Câmara de Vereadores da Estância Turística de Avaré

Copyright © 2015-2021 - Todos os Direitos Reservados à Câmara de Vereadores da Estância Turística de Avaré

Desenvolvido por DZ Web & Design